Moça suspeita de envolvimento em morte de jovem em Guriri é presa no Ceará

“O motivo do crime foi porque Taynara estaria andando com pessoas ligadas ao grupo de traficantes rival”, explicou o delegado.

Taynara Alves Rocha foi morta a facadas em 2015, em Guriri, São Mateus (Foto: Reprodução/Facebook)

Uma jovem de 18 anos, suspeita de ter participado de um homicídio em São Mateus, no Espírito Santo, foi presa na sexta-feira (8), em Fortaleza, no Ceará. O namorado dela, de 24, também foi preso. Uma terceira suspeita, identificada como Thayná Barbosa Carrilio, de 23, está foragida.

O crime aconteceu em junho de 2015, quando a vítima Taynara Alves Rocha tinha 19 anos. De acordo com o delegado José Eustáquio, as duas jovens suspeitas atraíram Taynara até um local previamente combinado com os executores.

A suspeita presa nesta sexta-feira (8) estava foragida desde maio. “Assim que descobrimos a localização dela, nós repassamos as informações aos policiais civis do Ceará, e eles cumpriram os mandados”, explicou Eustáquio.

Durante a ação, o namorado dela também foi detido. Com eles, os policiais encontraram uma pistola calibre 380 e dois carregadores.

A jovem foi apontada pela prática de ato infracional análogo ao crime de homicídio duplamente qualificado e foi transferida para Penitenciária Feminina de Cariacica (PFV). Já o namorado dela foi transferido para uma unidade do Sistema Penitenciário cearense.

Outros dois envolvidos no homicídio da Thaynara já estão detidos. Agora, a polícia procura Thayná. “Estamos à procura dela. Por isso, quem tiver alguma informação sobre o paradeiro dela que denuncie via Disque Denúncia- 181”, avisou o delegado. Com informações sitebarra.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here