Presidiários que fugiram do Centro de Detenção da Serra continuam foragidos

A fuga aconteceu na noite de terça-feira (06). Segundo testemunhas, a fuga foi bem planejada

Os sete detentos que conseguiram fugir do Centro de Detenção Provisória (CDP) da Serra na noite da última terça-feira (06) ainda não foram encontrados.

Os foragidos foram identificados como Brenner de Souza Julião, Luan Correa, Thiago de Oliveira, Anderson Vinicius Santos Pires, Lucas Phelipe Calixto Carvalho, Levi Tiago da Silva e Alan Matos Caetano.

Eles conseguiram fugir por um buraco. A báscula fica dentro do alojamento e para terem acesso ao lado de fora do CDP, os sete quebraram parte da parede. Já no pátio, o grupo teria feito outro buraco na tela de proteção e fugido para uma área de mata.

Lucas Calixto foi apontado pelas investigações da polícia como o assassino de Gabriel Vieira, de 16 anos. O jovem foi morto há um ano dentro do Terminal de Laranjeiras depois de uma discussão. Imagens de videomonitoramento flagraram o momento em que o suspeito teria atirado em Gabriel e em um amigo. Na época, Lucas confessou ter atirado contra eles.

Anderson Pires  e Thiago Oliveira foram presos neste ano por um homicídio que aconteceu em São Francisco, na região de Jacaraípe, também na Serra. De acordo com testemunhas, a fuga foi bem planejada e um carro do lado de fora esperava pelos detentos. A Polícia Militar (PM) fez rondas no entorno do CDP, e regiões próximas. Um helicóptero foi usado na tentativa de localizar os suspeitos mas ninguém foi encontrado até o momento.

As Polícias Civil e Militar estão trabalhando em busca dos foragidos. Informações sobre o paradeiro dos detentos podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia, pelo telefone 181, ou pelo site www.disquedenuncia181.es.gov.br. A PM trabalha com o batalhão especial e com estrutura de helicóptero de forma incansável para capturar os foragidos.

Fonte: Folha de Vitória

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here