A marca Marks & Spencer anunciou, nesta terça-feira (22), o fechamento de mais de 100 lojas no Reino Unido até 2022

O objetivo do fechamento das lojas físicas, é acelerar o aumento de suas vendas on-line – uma mudança que pode custar milhares de empregos

Imagem ilustrativa

A marca Marks & Spencer anunciou, nesta terça-feira (22), o fechamento de mais de 100 lojas no Reino Unido até 2022, com o objetivo de acelerar o aumento de suas vendas on-line – uma mudança que pode custar milhares de empregos.

Em um comunicado, o grupo britânico informou os nomes de 14 grandes lojas de alimentação, roupas e eletrodomésticos que deixarão de funcionar até o próximo ano, somando-se às 21 já fechadas desde o lançamento dessa reestruturação no final de 2016. As demais lojas afetadas ainda serão divulgadas. A cadeia disse que espera realocar os 626 funcionários das 14 lojas que serão fechadas.

A M&S explicou que a medida está ligada “ao objetivo de que as vendas na Internet constituam ao menos um terço do total de vendas”.

Como a maioria do comércio tradicional, essa empresa fundada em 1884 é vítima, entre outros, da concorrência do comércio eletrônico.

No final de março, a empresa tinha mais de mil lojas em todo Reino Unido, entre elas 300 grandes lojas de departamento que vendiam roupa, alimentos e eletrodomésticos, e 700 dedicadas exclusivamente à alimentação.

 Fonte: IstoÉ.
Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here