Balsa usada durante interdição na BR-259 é interditada pela Marinha

A balsa que faz o transporte de passageiros entre Colatina e o distrito de Itapina, no Noroeste do Espírito Santo, foi interditada pela Marinha nesta sexta-feira (23).

acompanha-259-21-02-b-800x445

Segundo a prefeitura, os funcionários que conduziam a balsa não tinham a habilitação exigida pela Marinha. A travessia estava sendo uma opção para os moradores da região, já que a BR-259 está interditada desde o dia 6 de fevereiro.

Segundo a prefeitura de Colatina, a interdição aconteceu após uma denúncia anônima de que a balsa estaria transportando mais do que 15 pessoas, que é o permitido para o tipo de embarcação.

O aumento do fluxo aconteceu por causa da interdição na BR-259. Nos últimos dias, a balsa chegava a fazer 30 viagens, segundo a prefeitura.

Durante a vistoria, a Marinha constatou que os balseiros, como são chamados os funcionários que conduzem a balsa, não tinham a habilitação para operar a embarcação. A interdição, segundo a prefeitura, é de 48 horas.

Ainda de acordo com a prefeitura, a empresa RJ Transportes, que é a dona da balsa e a responsável pelo serviço, é contratada há mais de 30 anos.

A administração municipal alega que os funcionários que operavam a embarcação foram contratados respeitando todas as cláusulas do contrato com a empresa e que, no documento, não havia a informação de que era necessária uma habilitação para realizar o serviço.

Ainda segundo a prefeitura, os funcionários tinham treinamento e faziam esse serviço há muitos anos. O G1 tentou contato com a RJ Transportes, mas as ligações não foram atendidas até o fechamento desta reportagem.

A previsão da prefeitura é de que o serviço volte a ser operado na segunda-feira (26).

Outros dois balseiros, que têm a devida habilitação, já estão sendo contratados pela prefeitura, em regime de urgência, para atuar a partir da data de liberação da balsa. Também será realizado um processo seletivo simplificado para convocar novos condutores habilitados.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here