BOLSONARO APELA A COMERCIANTES PARA CONTER PREÇO DO ARROZ

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou o apelo de que “donos de supermercados contenham a alta do preço do arroz”. Desde a semana passada, o chefe de Estado pede que os empresários abram mão do lucro nos produtos que compõem a cesta básica.

Bolsonaro afirmou que não irá usar a caneta “BIC”, como costuma se referir ao acessório que utiliza para assinar medidas do governo, para fazer tabelamento de preços.

“Tenho apelado para eles [Associação Brasileira de Supermercados], ninguém vai usar a caneta BIC para tabelar nada, não existe tabelamento, mas pedindo para eles que o lucro desses produtos essenciais nos supermercados seja próximo de zero. Acredito que nova safra começa a ser colhida em dezembro, janeiro, de arroz em especial, a tendência é normalizar o preço”, afirmou.

Segundo levantamento feito pela Abras, o preço do arroz e do feijão subiram mais de 20% em 2020, com acréscimos de 21,1% e 23,1% respectivamente. A inflação oficial, desde janeiro, é de 0,46%.

Fonte: SBT

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here