Casagrande: “Estamos vivendo uma terceira guerra mundial”

“Nunca imaginamos viver o que estamos vivendo. Estamos vivendo uma terceira guerra mundial. O mundo inteiro está combatendo o vírus [novo coronavírus]” – disse o governador Renato Casagrande ao anunciar o novo mapa de classificação de risco em pronunciamento feito na tarde desta sexta-feira (2). O novo mapa tem validade a partir de segunda-feira (5) até o dia 11.

Ele ainda fez um apelo aos capixabas para que mantenham, e até intensifiquem, as medidas para evitar a transmissão do vírus, como usar máscara, prezar pelo distanciamento social e evitar aglomerações.

“Quem acredita, que reforce, e quem não concorda, que considere o risco com a sua vida e com a vida das pessoas que você gosta. Use a máscara porque a máscara salva vidas. Cumpra os protocolos. Este mês de abril ainda será muito triste. [O vírus] Está muito próximo de nós. Depende de cada mais um de nós” – frisou.

TRANSPORTE COLETIVO

O transporte coletivo público urbano continua suspenso em todo o Espírito Santo até o dia 11 de abril. O governador Renato Casagrande afirmou que um decreto com as novas medidas está editado.

O transporte coletivo público intermunicipal fica liberado, no entanto, com ocupação de até 50% das poltronas.

Já o transporte coletivo público interestadual também fica suspenso até o dia 11.

 

LEITOS

O governador, mais uma vez, lembrou que a meta de abrir 900 leitos de UTI no Espírito Santo, que tinha prazo estipulado por ele ate o final de abril, foi antecipada para o mês de março. Agora, o Renato Casagrande afirmou que pretende atingir, em abril, a marca de 1.100 leitos de UTI para covid.

Para isso, afirma que neste mês o Governo do Estado pretende abrir mais 200 leitos de UTI exclusivos para covid-19 e outros 300 de enfermaria, somando um total de 500 novos leitos para tratar pacientes contaminados pelo novo coronavírus.

“É o maior número de leitos per capita do Brasil”, frisou.

 

FISCALIZAÇÃO

Casagrande afirmou que manterá a intensificação da fiscalização em praias. “Muito cuidado, muita responsabilidade, fundamental para conter a transmissão do vírus. Não aglomere” – orientou.

 

Fonte: TC Online

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here