Dólar renova máxima histórica e vai acima de R$4,40 pela 1ª vez


O dólar avançava contra o real na abertura desta sexta-feira (21), superando a marca de R$ 4,40 pela primeira vez na história às vésperas do Carnaval, em meio à aversão a risco no exterior e após comentários do ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre o câmbio.

Às 9h11, o dólar avançava 0,20%, a R$ 4,4002 na venda. Na máxima da manhã, a divisa chegou a tocar R$ 4,4073.

O dólar futuro de maior liquidez registrava alta de 0,11%, a R$ 4,400.

Na véspera, o dólar à vista encerrou na máxima recorde para fechamento de R$ 4,3916, após alta de 0,59%.

O Banco Central ofertará neste pregão até 13 mil contratos de swap cambial tradicional com vencimento em agosto, outubro e dezembro de 2020, para rolagem de contratos já existentes.

Bolsa

A bolsa paulista caía nos primeiros negócios desta sexta-feira, afetada pelo clima desfavorável a ativos de risco no cenário externo, conforme permanecem as preocupações relacionadas aos efeitos do surto de coronavírus na economia chinesa e seus reflexos na atividade global.

O fim de semana prolongado no Brasil em razão do Carnaval, com a B3 reabrindo apenas na quarta-feira, enquanto as praças financeiras funcionam no exterior, corrobora o tom mais cauteloso, assim como deve pesar no Ibovespa o prejuízo de 1,56 bilhão de dólares da Vale no quarto trimestre.

Às 10:05, o Ibovespa caía 0,39%, a 114.133,67 pontos.

O Ibovespa abriu​​ a 114.584,97​​ pontos, estável, ​após fechar na sessão anterior em queda de 1,66%.

Fonte: R7

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here