Espírito Santo registrou 35,1 mil casos de dengue e 10,4 casos de chikungunya este ano

O Espírito Santo registrou, entre os dias 29 de dezembro de 2019 a 16 de maio de 2020, 35.115 mil casos de dengue e seis mortes, segundo dados divulgados no boletim epidemiológico da Secretaria da Saúde, na última quinta-feira (21). Já a Zika somou 805 casos no mesmo período e a chikungunya, 10.475 casos e uma morte.

Para evitar a doença, que tem como os principais sintomas febre, dor no corpo, vômito e formigamento, é fundamental manter as ações de eliminação dos focos do mosquito e ficar atento para o surgimento dos primeiros sinais da doença.

Entre os cuidados a se tomar para evitar a proliferação do mosquito transmissor estão ações como limpar o quintal, jogando fora o que não é utilizado, e tirar água dos pratos de plantas. Confira outras tarefas:

– Colocar garrafas vazias de cabeça para baixo;

– Tampar tonéis, depósitos de água, caixas d’água e qualquer tipo de recipiente que possa reservar água;

– Manter os quintais bem varridos, eliminando recipientes que possam acumular água, como tampinha de garrafa, folhas e sacolas plásticas;

– Escovar bem as bordas dos recipientes (vasilha de água e comida de animais, pratos de plantas, tonéis e caixas d’água) e mantê-los sempre limpos.

Fonte: Aqui Noticias

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here