Ex-goleiro Bruno diz que não precisa pedir perdão a ninguém

O ex- goleiro Bruno falou em entrevista ao programa Conexão Repórter que ele dorme com a consciência tranquila e que não precisa pedir perdão a ninguém. Bruno foi condenado pela morte de Eliza Samúdio, com quem teve um filho.

De acordo com o site UOL, o ex-goleiro foi contratado para jogar em um time do Acre e por pedido do Ministério Público do Acre, expedido pelo juiz da Vara de Execuções Penais, Hugo Torquarto, todos os reeducandos em regime semiaberto fazem uso do equipamento eletrônico. Portanto, Bruno não é uma exceção e terá que usar a tornozeleira de forma ininterrupta.

“Os reeducandos no regime semiaberto no Acre usam tornozeleira eletrônica. Outros estados não sei, alguns usam e outros não, mas aí vai de cada estado. No Acre usa. Não poderia ser diferente dele, porque ele não é melhor que ninguém, não é porque ele é famoso que não vai colocar”, explicou o promotor de Justiça Tales Fonseca Tranin.

Fonte: Portal do Holanda

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here