Homem discute com familiares, assume direção de carro, provoca acidente e tem pés e mãos amarrados

Um homem de 43 anos foi amarrado por um grupo de pessoas depois de provocar um acidente na quarta-feira (12), na Avenida Maruípe, em Vitória. De acordo com o relato de testemunhas, o suspeito estava alterado e após o acidente teria tentado agredir quem passava pelo local.

No carro estaria a mulher e dois filhos, que desembarcaram antes do acidente. Ferido, o suspeito precisou ser levado para um hospital da região.

Segundo informações da Polícia Militar, a confusão teve início após o suspeito discutir e tentar agredir o filho na Praça de Eucalipto, há poucos metros do local.

Ainda de acordo com a polícia, inicialmente o rapaz conduzia o veículo, quando o pai assumiu a direção do carro, seguindo pela avenida invadindo a contramão. O condutor acabou atingindo dois veículos e teve a lateral do carro destruída.

Testemunhas contaram que o homem estava alterado e tentou agredir quem trafegava pelo local. Um motorista de aplicativo foi agredido e teve a calça rasgada. Após ser contido por populares, ele teve os pés e as mãos amarrados. Ele foi levado para o Hospital Estadual de Urgência Emergência (HEUE), em Vitória, onde recebeu atendimento médico e foi liberado para prestar depoimento na delegacia.

A mulher do motorista e a filha de casal, uma criança de 1 ano, também estavam abordo no carro, mas desembarcaram antes da colisão. A família contou que o homem seria usuário de drogas e queria que o filho comprasse entorpecentes para ele, mas como o rapaz se recusou, o pai teria ficado furioso, causando toda confusão.

Os outros motoristas envolvidos no acidente não se feriram e fizeram o teste do bafômetro, que deu negativo para a ingestão de álcool.

Fonte: Folha Vitória

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here