Homem executado em Boa Esperança tinha 15 perfurações no corpo, diz perícia

Homem é executado a tiros em Boa Esperança. Crédito: Carlos Alberto Silva

Um homem de 35 anos, identificado como Valter dos Reis, foi assassinado a tiros na noite desta quinta-feira (25) de frente ao campo de futebol do bairro Vila Tavares em Boa Esperança, no Noroeste do Espírito Santo.

De acordo com a Polícia Militar, uma viatura foi acionada com a informação de que havia ocorrido vários disparos de arma de fogo na rua Rio de Janeiro e que no local havia uma vítima alvejada dentro de um veículo Fiat Palio/Sporting de cor preta. No local, os policiais militares constataram a veracidade dos fatos. A PM informou que foi feito o isolamento e que uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e esteve no local onde atestou o óbito da vítima.

O Boletim de Ocorrência diz ainda que a perícia da Polícia Civil chegou ao local por volta das 23h15. Os períodos que estiveram no local do crime constataram duas perfurações na lataria do lado esquerdo e uma do direito do carro, bem como 15 perfurações no corpo da vítima entre orifícios de entrada e saída, nas regiões do peito, braço e cabeça.

A perícia encontrou no interior do carro, duas cápsulas de munição calibre 380, cinco projéteis calibre 380, um carregador 9mm com 13 munições calibre 9mm intactas, um papelote de substância semelhante à cocaína, R$ 1303,00 em dinheiro vivo, carteira de documentos, um certificado de registro federal de arma de fogo, o que indica que a vítima tinha autorização para portar arma de fogo.

O veículo onde a vítima foi morta foi removido para o pátio credenciado do Detran, onde permanece a disposição das autoridades.

Uma mulher compareceu no local e relatou que a vítima era seu esposo e disse que o esposo tinha uma arma registrada. A arma não foi encontrada no local o que indica que os atiradores podem tê-la subtraído do local.

A PM disse que fez buscas na região mas que nenhum suspeito foi encontrado.

A Polícia Civil informou que a Delegacia de Boa Esperança investiga o caso.

Fonte: A Parresia

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here