Justiça de Brasília manda soltar Joesley Batista dono da friboi

 

O juiz Marcus Vinícius Reis Bastos, da 12ª Vara Federal de Brasília, mandou nesta sexta-feira (09) soltar o empresário Joesley Batista, que está preso em São Paulo. O executivo da J&F Ricardo Saud também foi liberado e deve deixar a prisão da Papuda, em Brasília, ainda hoje.

Na decisão, o magistrado escreveu que a prisão dos dois executivos perdura por mais de seis meses, “prazo muito superior aos 120 dias previstos para a conclusão de toda a instrução criminal e flagrantemente aviltante ao princípio da razoável duração do processo”.

Pela decisão, Joesley precisará entregar seu passaporte, não poderá deixar o país sem autorização judicial, deverá comparecer a todos os atos do processo e ainda manter seus endereços atualizados.

No último dia 20, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu converter a prisão preventiva do empresário e seu irmão, Wesley Batista, em prisão domiciliar. Joesley, contudo, seguia preso por conta de outro mandado de prisão preventiva, que agora foi derrubado pelo juiz de Brasília.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here