Justiça de Linhares condena acusado de matar namorada durante sexo a 13 anos de prisão

Foi proferida na noite desta quarta-feira (6), pelo juiz da 1ª Vara Criminal de Linhares, André Dadalto, a sentença que condenou a 13 anos e nove meses de prisão o universitário Marcos Rogério Amorim dos Santos Júnior, 26 anos, acusado de assassinar com um tiro na boca a namorada, a auxiliar administrativo Arielle Martins Pardinho, de 21 anos. O julgamento teve início pela manhã, no Tribunal do Júri do Fórum Municipal, no bairro Três Barras, e só terminou quase 12 horas depois, com a condenação do Marcos Junior.

O juiz André Dadalto sentenciou o acusado por “homicídio qualificado, elevado grau de culpabilidade e fugiu do local do crime sem prestar socorro à vítima”. O acusado foi condenado a cumprir a pena em regime fechado, mas poderá recorrer da sentença em liberdade.

O crime, que ganhou grande repercussão, ocorreu no 3 de setembro de 2012, quando, supostamente, o casal mantinha relação sexual numa cama, dentro do quarto do apartamento de Marcos Junior, no centro na cidade.
Familiares da vítima, vestidos com camisetas estampadas com o rosto de Arielle, acompanharam o julgamento durante o dia.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here