Mãe faz DNA, descobre que bebê de 9 meses não é dela e denuncia troca de recém-nascidos em maternidade de MT

jovem Francielli Monteiro Garcia, de 24 anos, denunciou uma troca de recém-nascidos na maternidade do Hospital Regional de Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá, após descobrir que o filho que cria há nove meses não é o mesmo ao qual ela deu à luz no dia 20 de maio do ano passado.

A descoberta ocorreu em outubro do ano passado e foi confirmada no mês seguinte, após a realização de exames de DNA. O caso é acompanhado pela Defensoria Pública do estado.

A reportagem entrou em contato com a outra mãe envolvida na história, mas não recebeu resposta.

Por meio de nota, o Hospital Regional de Alta Floresta confirmou que as duas mães ficaram alojadas no mesmo ambiente após o parto, em conjunto com os respectivos filhos, até a alta hospitalar e que não houve falha nos procedimentos adotados pelos funcionários da unidade.

De acordo com o hospital, os recém-nascidos saíram “corretamente identificados constando o nome da mãe, data, horário do nascimento e sexo”.

Os dois bebês nasceram na noite do dia 20 de maio de 2017, com minutos de diferença. Francielli, porém, teve complicações após o parto e precisou ser levada para o centro cirúrgico, entrando em contato com o filho só depois de ter se recuperado.

Ao G1, ela disse que, no momento em que recebeu alta, desconfiou que o filho poderia ter sido trocado, pois o nome apresentado na pulseira do recém-nascido era de outra mulher. Ela disse que, ao perceber, ligou para o hospital.

“Eles me acalmaram, disseram que em hipótese alguma os bebês teriam sido trocados e que, no caso, apenas as pulseiras poderiam ter sido trocadas ou saído duas [pulseiras] com o mesmo nome”, afirmou.

Famílias mantêm contato e bebês crescem próximos, segundo Francielli (Foto: Arquivo pessoal)Famílias mantêm contato e bebês crescem próximos, segundo Francielli (Foto: Arquivo pessoal)

Famílias mantêm contato e bebês crescem próximos, segundo Francielli (Foto: Arquivo pessoal)

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here