Marcha das Mães termina com 2 mortos e 12 feridos na Nicarágua

Testemunhas afirmam que ataque foi realizado por policiais a paisana e tropas de choque

Pelo menos duas pessoas morreram e 12 ficaram feridas durante um tiroteio na “mãe de todas as marchas”, que aconteceu nessa quarta-feira (30) em Manágua, capital da Nicarágua.

Milhares de manifestantes foram às ruas para pedir a renúncia do presidente Daniel Ortega. O grupo responsabiliza o governo de Ortega pela repressão que resultou na morte de, pelo menos, 83 pessoas – entre elas, muitos jovens estudantes universitários.

O ataque aconteceu, no fim da marcha, nas imediações da Universidade Centroamericana (UCA), quando as mulheres que perderam os seus filhos em manifestações contra o presidente agradeciam às pessoas que acompanharam a caminhada de Dia das Mães.

Testemunhas disseram à Agênica Efe que o ataque foi realizado por policiais a paisana e tropas de choque que acompanhavam os manifestantes ao lado da marcha.

A Polícia Nacional informou que foram registradas duas mortes e 12 feridos neste incidente.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here