Menino que mora no hospital desde bebê ganha festa surpresa em Marília

Os funcionários da pediatria da Santa Casa de Marília realizaram uma comemoração muito especial na última sexta-feira (23). Um dos pacientes há mais tempo internado no hospital ganhou uma festa de aniversário surpresa.

Desde os três meses de vida, o Kauê, hoje com 4 anos, mora no hospital por conta dos cuidados que precisa 24h por dia. Ele foi diagnosticado com encefalopatia, uma doença que que comprometeu as funções neurológicas e os movimentos.

Desde então a vida dele é na pediatria. “Começou com três meses, deu parada, convulsão, ficou três meses no Hospital das Clínicas. Depois ele veio para cá. Aqui ele ficou quase um ano na UTI, e agora no quarto”, conta a dona de casa Rita de Cássia Pereira da Silva, mãe de Kauê.

E é pelo olhar que ela se comunica com o filho. Rita sabe quando Kauê está chamando, querendo atenção, ou apenas buscando um pouquinho mais de carinho. Ela viaja 100 km, de Ipaussu onde mora para ficar com o filho no hospital.

Kauê ganhou uma festa surpresa dos funcionários da Santa Casa de Marília  (Foto: Santa Casa/Divulgação )Kauê ganhou uma festa surpresa dos funcionários da Santa Casa de Marília  (Foto: Santa Casa/Divulgação )

Kauê ganhou uma festa surpresa dos funcionários da Santa Casa de Marília (Foto: Santa Casa/Divulgação )

“Quando eu chego, ele já sabe. Ele escuta a voz, já sabe que eu estou aqui, fica mais calmo, porque eu estou conversando com ele e me olha. Ele fica prestando a atenção, quando eu vou embora, a meninas falam que ele chora, fica agitado. Tem que ter muita fé, para não desanimar, porque não temos como cuidar dele em casa. Só Deus para dar força, mas apesar de tudo eu sou feliz.”

Kauê fica o tempo todo no respirador e recebe todos os cuidados na cama. “A gente estabelece quando a mãe não está o papel de enfermeira é de mãe. A gente nunca tenta deixar ele sozinho, a gente dá carinho, dá o banho, e os cuidados da enfermagem. Quando a gente está de férias e gente sempre dá uma passadinha aqui para ver como ele está”, conta a auxiliar de enfermagem Fernanda Cristian Fernandes Barbosa.

O Kauê completou 4 anos e todas essas dificuldades não impediram de comemorar a data. Enfermeiros e funcionários se mobilizaram, prepararam a decoração e trouxeram docinhos, salgadinhos e bolo. Tudo para celebrar mais um ano de vida do pequeno.

Desde os três meses, Kauê vive no hospital por conta das complicações da doença (Foto: Santa Casa / Divulgação )Desde os três meses, Kauê vive no hospital por conta das complicações da doença (Foto: Santa Casa / Divulgação )

Desde os três meses, Kauê vive no hospital por conta das complicações da doença (Foto: Santa Casa / Divulgação )

A irmã Yasmin Vitória, de 5 anos, dessa vez também veio visitar Kauê para comemorar com o irmão a ocasião especial. Kauê foi paparicado por todo mundo, ganhou presentes e tirou muitas selfies. Há três anos e meio no hospital, ele é o paciente com mais tempo de internação na unidade.

Yasmin foi visitar o irmão na ocasião especial  (Foto: Arquivo pessoal)Yasmin foi visitar o irmão na ocasião especial  (Foto: Arquivo pessoal)

Yasmin foi visitar o irmão na ocasião especial (Foto: Arquivo pessoal)

“Nós temos certeza que o Kauê sente todo esse carinho que a gente sente por ele, quando a gente estava cantando parabéns ele estava procurando as pessoas para saber de onde vem o som, e o nosso sentimento é de dever cumprido. A gente trata ele como membro da família, então fez a festa de aniversário, uma data assim não pode passar e branco”, reforça a gerente do bloco pediátrico Ana Paula Mancini.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here