Ministra do Canadá alvo de escândalo na Justiça deixa cargo

Polêmica envolve o premier Trudeau e a maior construtora do país

ministra de Militares Veteranos do Canadá e ex-líder da pasta de Justiça, Jody Wilson-Raybould, anunciou sua renúncia ao cargo nesta quarta-feira (13).

Jody não explicou seus principais motivos para deixar o governo, mas a decisão acontece em meio a um escândalo envolvendo uma possível interferência do governo no sistema judiciário.

Na polêmica, o primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, é acusado de pressionar a então ministra da Justiça para fechar um acordo com a empresa SNC-Lavalin, na tentativa de evitar que a maior construtora do país fosse alvo de uma acusação criminal. A companhia, por sua vez, teria feito pagamentos de milhões de dólares em propinas a funcionários do antigo regime de Muamar Kadafi, na Líbia, para garantir novos contratos.

A atitude ocorre um dia depois de Trudeau afirmar que Jody não tem problemas com as atuações do governo, confirmando sua total confiança nela. No entanto, Marion Dion, comissário de Ética e Conflitos de Interesse, um órgão de inspeção do Parlamento canadense, anunciou uma investigação sobre a acusação contra Trudeau, que nega todas as acusações e se diz “surpreso” e “amargado” com a renúncia de Jody.

Fonte: Noticias ao Minuto

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here