O lacre recicla junto ou separado da lata?

A não ser que você encontre quem troque lacres de latinha por cadeiras de rodas ou artesãos caprichosos, você não deve separar o anel do resto da lata. Aliás, se não notou, o lacre foi feito para ficar fixo, justamente por conta da reciclagem.
Lacre de latinha

Lacres separados da lata só tem utilidade se forem usados em artesanato.

As ligas de alumínio são constituídas por pequenas porcentagens de cobre, silício, magnésio e zinco. A diferente composição dos elementos e o fato de poderem ser tratados termicamente, conferem-lhe uma gama variada de aplicações.

O corpo da lata precisa ser fino para manter seu custo reduzido. A tampa e a base precisam ser mais resistentes.

Já o lacre tem uma composição pobre de alumínio. Essa característica reduz o rendimento da reciclagem dos lacres nos fornos que derretem o material. Por este motivo, as recicladoras de alumínio aceitam o lacre junto da latinha, mas não separado.
Faça cursos de reciclagem e sustentabilidade sem sair de casa. A partir de 30 reais
Latas de alumínio

Antigamente, quando se abria uma lata, o lacre se soltava. Hoje ele é projetado para permanecer na lata, favorecendo a reciclagem.

Uma latinha de alumínio pesa cerca de 14,5 gramas. É necessário uma média de 70 latinhas para chegar a um quilo de material. Para atingir o mesmo peso só com lacres, precisamos de mais de 3.300 deles. Mesmo que você já tenha quilos de anéis da latinha, sua liga, pobre em alumínio, não tem valor comercial.

O processo de transporte e peneiragem do material para a reciclagem também teria que ser revisto, prevendo os anéis soltos. É por isso que o sistema de lacre prende o anel à tampa da lata.

Saindo do âmbito da reciclagem industrial, os lacres podem se transformar em diversos produtos de artesanato, que seria um bom motivo para separar o lacre do resto da lata.

Existe sim quem troca lacres por cadeiras de rodas. Visite o site Lacre Amigo e veja como colaborar

Veja duas técnicas para fazer bolsas com lacres de latinha de alumínio nas matérias do site Arte Reciclada:

Bolsa 100% criada com lacres de latinhas

Bolsa feita com 1000 lacres de latinha
Artesanato. Bom motivo para separar os lacres das latinhas

Aqui está um bom motivo para separar os lacres das latinhas ?

Se você gosta de preservar o meio ambiente, deve ser uma pessoa evoluída. Conheça então nosso portal Quero Evoluir, com dicas, vídeos e eventos gratuitos sobre desenvolvimento pessoal.

Tenho lacre de latinhas pra vender , entre em contato comigo , 031-9 9918-6983 vivo, ou no email: [email protected] m. Sou de Sete Lagoas MG
Responder
HUGO GOMES
23 de abril de 2016 às 12:30 PM

Ola Bianca, tenho algumas garrafas Pets 2 lts, temos um projeto de Banco de cadeiras de Rodas do Rotary Riviera, e gostaríamos de vender para repormos nosso estoque, como faço para lhe vender e quanto vc paga…??? 013 99708 5310.
Responder
Fabiano
21 de maio de 2016 às 2:07 PM

Tenho 5 garrafas quanto paga meu telefone 051 98495484
Responder
ALEXANDRE
6 de dezembro de 2015 às 1:12 PM

BOA, tarde sou alexandre moro em são paulo eu tenho uma quantidade grande de lacres,os entereçados entrar em contato,ou chamar pelo WHATSAPP, NÚMERO,973455322.
Responder
fernando De Nardo
6 de dezembro de 2015 às 4:27 PM

olá tenho 75kg de lacres para vender, alguem se interessa? entre em contato
[email protected] ou [email protected]
Responder
Darlei
8 de dezembro de 2015 às 1:34 PM

olá, trabalho com a associação de catadores de resíduos recicláveis e/ou reaproveitáveis de Santa Terezinha de Itaipu, e estamos em busca deste projeto da troca de lacres pro cadeiras de rodas, já temos cerca de 8 tambores de 20 litros cheios de lacre e ainda estamos coletando, gostaria de saber se tem alguém interessado na compra deste material ou que possa indicar meios de troca.

meu contato é 045 9947-4445 (tim)

Desde já agradeço,
Responder
Tamiris Silva
9 de dezembro de 2015 às 11:50 AM

Preciso de 3 garrafas pet de 600 Ml cheias de lacres urgentemente ( creioq ue seja aproximadamente o equivalente 1 garrafa de 2 Lt)

Aque no interior é assustador o número de pessoas
Acidentadas de moto, outros chegam à óbito
Sou de Araripina pernambuco
Quero muito ajudar, já tenho 14 garrafas pt cheias
Obrigada pela a compreensão.
[email protected]
Responder
Alexandre
18 de março de 2017 às 10:30 PM

Oi sou alexandre trabalho com resiclagem tou procurando qm compre os lacres de latinhas pois entra muintas latas se compensa vou comesa separalas moro no riogrande do sul presisamente em montenegro
Responder
Maria Beatriz Vedovello Bimbati
29 de outubro de 2017 às 2:37 PM

Olha, sou fonoaudióloga, atuo co pessoas com deficiência, na Associação de catadores inde ajudo, tem dezenas de cadeiras de roda que foram DOADAS em campanha, novíssimas, descartaram ali! São cadeiras que não apresentam formas de adaptações às singularidades. Não estou falando na perspectiva ” leiga”, mas tecnicamente posso responder. E na realidade, convido-a para conhecer esse galpão. Nosssas entidades onde atuamos, um coletivo educador ambiental, faz educação ambiental pautada na PNEA. Oras, não é pq o consumo existe , SEM DÙVIDAS, existe, que, como educadora ambiental, não vou seguir as diretrizes da Agenda 21, as normas ambientais, a Política NAcional de Resíduos Sólidos: REDUZIR, REAPROVEITAR, RECICLAR! Esta campanha, de BOA, ótima intenção, sensiibiliza as pessoas, não tenho a menor dúvida. mas… me digam… e a Logística reversa? Oras, não podemos fazer das LEIS simples enfeites num país anárquico. Vamos mudar paradigmas, SIM! Responsabilidade Social e Ambiental, referencias na ISO 26.000. Eu tenho coragem, sim, de questionar essa campanha, não questiono as ATITUDES de vcs, que fazem a campanha, não! Mas esperava mais desse Setor Reciclagem, que já vi mais objetivo antes. Claro que a utilização, reutilização, reaproveitamento dos lacres para ARTESANATO, existem e são o SEGUNDO dos Rs da PNRS. Mas fazer CAMPANHA, não! A campanha coerente ensinaria onde levar tb as LATAS: para os CATADORES, atores principais e fundamentais nesse processo da ´logística reversa. Ao setor reciclagem, minhas ENERGIAS< entendi o texto, e sei perfeitamente a posição de vcs. AOS mobilizadores da campanha, gostaria demaisss de uma informação: PARA ONDE vão esses lacres? As vendas dos lacres é que compram as cadeiras? Abraços Responder Deixe uma resposta Faça login com sua rede social Comentário Nome * E-mail * Site

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here