Soldado da PM atira e mata homem durante festa no Norte do Espírito Santo

Um homem de 30 anos, identificado como Romário Costa Ramos, foi assassinado a tiro na madrugada deste domingo (24), após uma confusão durante uma festa na cidade de Ecoporanga, no Norte do Espírito Santo. O autor do crime é um soldado da Polícia Militar identificado como Olinto Marcial Jardim Junior.

Soldado da PMES, Olinto Marcial Jardim Júnior – autor do assassinato. Crédito: Redes Sociais / Reprodução

De acordo com testemunhas, o PM  teve um desentendimento com um outro homem no banheiro do cerimonial onde acontecia a festa, momento em que o soldado saiu do ambiente e foi até o carro que estava do lado de fora e onde buscou uma arma. Na portaria da festa, o PM foi barrado pela vítima que teria o orientado a deixar a arma no carro para evitar qualquer quebra da ordem dentro da festa. Foi neste momento, que exaltado, o soldado Olinto sacou a arma e atirou à queima roupa contra Romário. A vítima foi socorrida por amigos para o Hospital Fumatre em Ecoporanga e, posteriormente transferida para o Hospital Estadual Dr. Alceu Melgaço Filho em Barra de São Francisco, onde não resistiu e veio a óbito. Após o crime, o militar fugiu do local.

Romário deixa a esposa e três filhas.

Romário Costa Ramos, de 30 anos. Crédito: Reprodução / Facebook

A reportagem de A Parresia demandou informações sobre à Polícia Militar e à Polícia Civil. Nós também questionamos a Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp) sobre quais providências adotará para punir o militar autor do crime por pertencer aos quadros da Polícia Militar capixaba. A matéria será atualizada assim que houver retorno.

A reportagem apurou que o soldado Olinto, autor do homicídio, é lotado no 7º Batalhão da Polícia Militar de Cariacica e teria ido à Ecoporanga porque tem parentes na região de Prata dos Baianos,  zona rural da cidade.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here