Tio é suspeito de abusar sexualmente de 4 sobrinhas no interior de Rio Bananal

Que esse tipo de crime é nojento e deveria ser tratado como crime hediondo todos já sabem,o caso foi registrado no interior de Rio Bananal alguns casos desse tipo chamou atenção da sociedade Ribanense, o mais curioso é que o suspeito é tio das meninas,embora já passado muitos anos dessa pratica criminosa.

O caso foi registrado nessa sexta-feira 25, as 20h30min,onde foi solicitado a PM pelo um srº que é pai e uma das menores. Quem são as vítimas: Todas da mesma familia. Totalizando 4 meninas que supostamente foram abusadas na infância pelo suspeito acima citado.

Segundo a pm as vítimas relataram que não falaram os acontecimentos aos pais por medo de represarias, e que tomaram coragem de denunciar os abusos hoje por temerem que a menina mais nova de apenas 02 (dois) anos de idade passe pelo mesmo drama.

Uma das vítimas contou a pm,que as outras 04 (quatro) primas menores também foram molestadas pelo suspeito, mas essas não se encontravam no local e ainda não tomaram conhecimento que o tio um sr. suspeito, havia sido denunciado.

Uma das jovens hoje com 19 anos contou que os abusos contra ela começou quando ela tinha 5 anos de idade, outra jovem que também tem 19 anos disse a pm que os abusos contra ela iniciou quando ela tinha entre seis e sete anos de idade,

Inclusive nesse sabado a igreja adventista de São Jorge vai fazer uma campanha contra violencia sexual,diga não.a esse tipo de crime que na maioria das vezes corre em silencio

Lei que estende prazo de prescrição para estupro de crianças…

O que diz a lei nº 12.650, Houve um decreto que altera as regras sobre a prescrição do crime de pedofilia e também o estupro e o atentado violento ao pudor praticados contra crianças e adolescentes. Agora, a contagem de tempo para a prescrição só vai começar na data em que a vítima fizer 18 anos, caso o Ministério Público não tenha antes aberto ação penal contra o agressor. Até então, a prescrição era calculada a partir da prática do crime.

A prescrição é a perda do direito de ação pelo decurso do tempo. Desse modo, quando ocorre a prescrição, o agressor não pode mais ser processado nem punido pelo crime que cometeu. O prazo varia conforme o tamanho da pena e pode chegar até 20 anos, por exemplo, em caso de estupro de uma pessoa com menos de 18 anos.

Penas
No Brasil, o crime de estupro contra jovens de 14 a 17 anos é punido com até 12 anos de prisão. Nos casos de estupro de vulnerável, quando a vítima possui menos de 14 anos, a pena pode chegar a 15 anos de prisão.

As vítimas de estupro possuem até 20 anos após a prática dos crimes para denunciarem o agressor. Após esse prazo, o crime prescreve e o agressor não poderá mais ser punido. Para denúncias algum caso de violência sexual contra crianças ou adolescentes, o governo disponibiliza o Disque Denúncia, o Disque 100. A ligação é gratuita e não é preciso se identificar.

Pelo fato de que na data do registro do BU não houve abuso contra as vítimas,a PM orientou que os pais das vítimas, comparecessem a delegacia da polícia civil de Rio Bananal/es, no primeiro dia útil,segunda-feira 28 de agosto para oficializar a denuncia contra o suspeito.

O portal de noticias Bananal Online continuará acompanhando de perto o desfecho desse caso, que merece uma atenção das autoridades para apurar as acusações que é grave. Mais informações nos próximos dias ou a qualquer momento.

Por jornalista Claudio Bandeira

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here