O silêncio de Lauriete, sem aliança, deixa Magno falando sozinho

Estão separados de corpos

Sobre o caso da separação desde outubro do ano passado que vinha polemizando no meio gospel, a cantora Lauriete se mantém em silêncio. Enquanto o seu ex-companheiro Magno Malta vocifera no senti de ser vítima de “perseguição política” e até de “legiões de demônios”, ameaçando processar todo mundo, a deputada federal fica em silêncio e se recusa a comentar essa fase crítica do seu relacionamento.

A verdade é que o ex-senador gravou um único áudio para encobrir a separação – com linguajar nada espiritual – colocando-se como vítima de uma conspiração. Chegou a ficar internado para tratar supostamente de problema medular , segundo ele grave, enquanto se esqueceu de ser autor do livro “E Agora Doutor” em que relata o milagre da cura naquela região lombar. Lauriete não o visitou nessa situação “moribunda”.

O fato jornalístico do escândalo reside nas condições de serem duas figuras pública de alta exposição. Ela é cantora e foi deputado federal quando se separou do pastor Reginaldo Almeida e também politico, na época, para ficar com Magno.

Magno é político de carreira, pastor e cantor que chegou colocar em dúvida a sexualidade do ex-marido de Lauriete como pano de fundo para justificar o direito dela se divorciar para ficar com ele que, por sua vez, não tem nada a dizer sobre sua ex-esposa para pavimentar a sua iniciativa de se unir a Lauriete.

Em síntese, são dois agentes públicos com chamados fãs e correligionários, diferente de pessoas comuns nas suas atividades privadas.

A questão dos bens de ambos, deverá ser outra discussão à parte. Ela declarou à Justiça eleitoral R$ 2,3 milhões enquanto Magno Malta apenas R$ 450 mil.

Fonte: folhadoes.com

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here