Amigo de Eduardo está ajudando para que o corpo seja trazido para o país

O assassinato aconteceu em Tapada das Mercês, na cidade de Sintra, em Portugal, no último domingo (17). O corpo do francisquense Eduardo Prado deve chegar ao Brasil em 15 dias.

A família disse que são necessários aproximadamente R$ 20 mil para trazer o corpo para o Brasil. “Já estamos tomando todas as providências. Um colega dele também está ajudando e acreditamos que em 15 dias a gente consiga trazer o corpo para o Brasil”.

Eduardo era de Barra de São Francisco. “Ele foi tentar a vida, e como muitos brasileiros, queria trabalhar”, contou a irmã dele, Karla Prado.

Eduardo chegou a trabalhar em uma churrascaria. “Ele não estava trabalhando mais na churrascaria. A escadaria onde ele caiu fica próximo do estabelecimento e os funcionários que trabalharam com ele foram tentar socorrê-lo“.

Karla contou que vizinhos disseram que tudo aconteceu rápido e que não houve discussão. “O que nós sabemos é que ele e alguns rapazes pegaram algumas cervejas, subiram as escadas e ficaram tomando, mas parece que foi coisa rápida, entre 10 e 15 minutos. Os vizinhos disseram que não ouviram discussão e não falaram em supostas dívidas. Eles disseram que Eduardo estava com uma faca no pescoço”.

Leia aqui
https://bananalonline.com.br/index.php/2017/09/19/apos-briga-dentro-de-churrascaria-em-portugal-capixaba-e-morto/

 

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here