Brinquedo que recria acidente que matou princesa Diana causa revolta na web

A ex-esposa de príncipe Charles, e mãe dos príncipes William e Harry, sofreu um acidente de carro em 1998 ao ser perseguida por paparazzi e, agora, um parque de diversões criou uma atração um pouco controversa

A morte de Lady Di até hoje choca o mundo. A ex-esposa de príncipe Charles, e mãe dos príncipes William e Harry, sofreu um acidente de carro em 1998 ao ser perseguida por paparazzi e, agora, um parque de diversões criou uma atração um pouco controversa, que relembra essa tragédia.

Pois é, segundo informações da Cosmopolitan, o tabloide The National Enquirer está abrindo um parque no Tennessee, sul dos Estados Unidos, e o responsável, Robin Turner, explicou como seria essa atração controversa, que mostraria, em computação gráfica, o cenário e o acidente de Lady Di:

– É projetado e você vê prédios e tudo em uma apresentação 3D. E mostra o caminho, conforme ela sai do hotel Ritz, e os paparazzi a perseguindo, e os flashes dos fotógrafos – que achamos que cegou o motorista – e como tudo isso aconteceu. Não há sangue. Não há nada disso. Você vê o carro por meio de uma animação de computador.

Ao fim da atração que, aliás, custará 25 dólares, ou seja, 100 reais, as pessoas receberão perguntas:

– [Os participantes] serão questionados sobre qual foi a causa da morte dela e quem estava por trás disso… nós perguntamos coisas do tipo: Quem você acha que estava envolvido? Você acha que ela estava grávida? Tudo o que perguntamos são questões do tipo: Qual é a sua opinião?

Turner insiste que o brinquedo definitivamente não é de mau gosto, porém, no Twitter, internautas ficaram revoltados e detonaram:

Tanto o criador disso, como o dono do parque, devem ser enforcados. Nojento. Desrespeitoso, disse um usuário.

O National Enquirer é totalmente um lixo, isso é francamente repugnante e eles afirmam que no final do acidente as pessoas vão votar para decidir se a realeza foi responsável pelo acidente da Princesa Diana que resultou em sua morte… o que há de errado com essas pessoas?, opinou outra pessoa.

Fonte: Folha Vitória

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here