Confira os cursos que estarão em alta com exploração de novos blocos de petróleo no ES

Os resultados da 14ª Rodada de Licitações realizada pela Agência Nacional de Petróleo (ANP), na última quarta-feira (27), geraram uma expectativa de otimismo para o setor petroleiro no Espírito Santo com relação aos próximos anos. O Estado possuía 26 blocos, sendo 19 terrestres e sete marítimos no leilão. Dez blocos foram arrematados.

De acordo com o consultor da Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes) Durval Vieira de Freitas, até 2021, dos R$ 60 bilhões em investimentos previstos para o Estado, cerca de 70% tem relação com o setor de petróleo e gás. “Os leilões geram oportunidades para conhecermos melhor os interesses dos envolvidos. Isso vai movimentar a economia e alavancar oportunidades de emprego”, afirma.

Freitas acredita que os trabalhos de exploração on-shore, ou seja, em terra, devem ter início em até seis meses, o que já deve resultar na demanda de profissionais específicos, como geólogos, por exemplo. No entanto, com o andamento das operações, diversas áreas devem ser envolvidas de forma direta ou indireta. Para ele, o segredo é a especialização. “Em toda a operação é preciso de quem tenha conhecimento”.

O professor e coordenador do curso de Engenharia de Petróleo da UVV, José Maria Rodrigues Nicolau, afirma que o mercado de trabalho atual no setor petroleiro não é bom, mas está otimista e ressalta que esta é a hora de se especializar para estar preparado para a demanda dos próximos anos. “Já houve uma retomada [da demanda] em vários lugares. Quem está entrando em um curso agora, vai se deparar com um mercado de muitas oportunidades”, acredita.

Além do profissional de Engenharia de Petróleo, o professor ressalta que ainda existe uma vasta gama de profissionais de diversos níveis e áreas que  serão demandados pelo setor. “A pessoa pode fazer a graduação ou um curso técnico ou nível médio, o que supre bem essas áreas”.

Além do curso de Engenharia de Petróleo, o consultor da Findes, Durval Vieira de Freitas, também alerta para a necessidade de diversas outras áreas de estudo. Para ele, o mercado ainda deve apresentar uma boa demanda para os profissionais de automação, elétrica, mecânica, geofísica e informática. “A operação de drones ou de ROV (robôs que trabalham no fundo do mar) é um mercado com tendência de grande crescimento”, afirma.

Tem interesse em trabalhar nessa área? Veja quais cursos apresentam grandes perspectivas de crescimento no mercado de trabalho:

– Engenharia de Petróleo

– Engenharia de Produção

– Engenharia Elétrica

– Engenharia Mecânica

– Engenharia da Computação

– Engenharia Química

– Técnico em Eletromecânica

– Técnico em Eletrotécnica

– Técnico em Automação

– Língua estrangeira

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here