Denúncia: crime organizado desviava remédios da saúde e tem funcionários da Prefeitura envolvidos no esquema

Com a descoberta de um depósito clandestino de remédios, aumenta a suspeita de Crime Organizado na Secretaria Municipal de Saúde de Barra de São Francisco. Segundo informações, o esquema pode envolver diversas pessoas, inclusive, empresários de farmácias no município.

O desvio de caixas de remédio foi descoberto na semana passada e pode ter à frente das investigações o GAECO – Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado, tendo em vista que o GAECO já atuou em diversas investigações na região.

Segundo a denúncia, um funcionário da Prefeitura Municipal de Barra de São Francisco estava desviando caixas de remédios e estocando em uma casa alugada. Foram encontradas várias caixas de medicamentos da Secretaria Municipal de Saúde. O nome do funcionário ainda não foi divulgado pela prefeitura.

A comissão de sindicância e polícia civil estão fazendo levantamentos e investigando também compras com suspeitas de irregularidades e superfaturamento. De acordo com o levantamento, só em uma compra se constatou superfaturamento que pode chegar a R$ 800 mil.

Os envolvidos no esquema podem responder por formação de quadrilha, prevaricação, improbidade, furtos entre outras tipificações criminais, que podem resultar em várias demissões de servidores efetivos, prisões, e até cassação de mandato, caso algum político tenha se beneficiado do esquema.

São centenas de famílias carentes que ficaram sem os devidos medicamentos na cidade.

Um pedido de investigação deve ser enviado ao Ministério Público Estadual ainda esta semana. A expectativa é que o GAECO possa tomar o rumo das investigações no município.

Serão ouvidos secretários,  farmacêuticos, chefes de setores, coordenadores, responsáveis pela distribuição, setor de compras, almoxarifado, vigias, entre outros servidores.

A justiça poderá determinar a prisão preventiva do envolvido a qualquer momento, o qual poderá apontar os demais envolvidos.

SE VOCÊ TEM ALGUMA INFORMAÇÃO DENUNCIE:

Esta é a principal característica do serviço Disque-Denúncia (181). Através deste número a população pode denunciar qualquer tipo de irregularidade, ilegalidade ou repassar informações que ajude as polícias na elucidação dos crimes.

O Disque-Denúncia (181) bate recorde de ligações a cada mês e demonstra a credibilidade da população em relação ao serviço que ajuda as autoridades policiais a combater o crime, além de contribuir com a integração entre os cidadãos e a polícia.

Os resultados positivos demonstram a disposição da população em não mais aceitar a impunidade e a omissão, fazendo com que, graças às informações, as atividades criminosas fiquem cada dia mais difícil, perigosa e mais cara.

Policia Civil de Barra de São Francisco: (27) 3756-4014
Ministério Público municipal: (27) 3756-1903

 

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here