Detran propõe instalação de câmeras em vans de transporte escolar no Espírito Santo

O Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran-ES) propôs a instalação obrigatória de câmeras em vans escolares para que seja possível uma investigação em caso de crimes ocorridos nos veículos.

Caso seja implantado o sistema de videomonitoramento, o serviço pode ficar mais caro, mas não há estimativa de aumento. Também não há prazo ainda para a instalação.

O diretor-geral do Detran-ES, Romeu Scheibe Neto, disse que a ideia surgiu depois que ele foi procurado por um delegado de polícia, falando da ocorrência de crimes dentro das vans.

“De fato, nós fomos procurados por um delegado da Polícia Civil que relatou para nós uma série de casos que acontecem dentro das vans escolares. Crimes associados à exploração sexual. O que nos foi relatado é que os pais, muitas vezes, nem procuram a polícia, com medo da exposição que aquela criança ou adolescente possa vir a passar”, falou.

Romeu explicou que ainda se trata de uma diretriz, que precisa ser discutida e analisada.

“A gente publicou uma instrução de serviço regulamentando algumas ações para apertar a fiscalização do transporte escolar. Diante disso, surgiu a necessidade de estabelecer essa diretriz. A gente pretende implantar, mas muito debate precisa ser feito. A gente quer fazer o bom debate, colocar na mesa todas as questões e encontrar um denominador comum com foco na segurança de crianças e adolescentes”, afirmou.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here