Empresário reage a assalto e mata bandido com tiro

Ao ser abordado pelos criminosos quando chegava na sua empresa, o empresário, que tem porte de arma, reagiu ao assalto e matou o bandido com um tiro na cabeça

Policiais civis periciaram o carro do empresário
Policiais civis periciaram o carro do empresário

Um empresário de 58 anos reagiu a um assalto e matou um bandido a tiros na manhã desta terça-feira (29), no bairro Jardim Marilândia, em Vila Velha.

Por volta das 8h10, o empresário, que dirigia um Ford Fusion branco, estava chegando para trabalhar em uma fornecedora de suprimentos marítimos, localizada na Avenida Piracicaba, quando foi abordado por dois bandidos em uma motocicleta.

O garupa desceu da moto e foi em direção à vítima para tentar rendê-la. O empresário, que tem porte de arma, sacou uma pistola 380 e disparou sete vezes contra assaltante. Os tiros atingiram a cabeça, barriga e perna do criminoso. Na troca de tiros, o empresário foi baleado na perna.

Após a troca de tiros, o bandido que estava pilotando a moto fugiu.

O empresário foi socorrido pelo filho para o Hospital Evangélico, em Vila Velha. O estado de saúde dele é estável.

O assaltante morto foi identificado como Leonardo Conceição Silva, 31 anos. O comparsa dele ainda não foi localizado.

Outro assalto em Jardim Marilândia

Nesta segunda-feira (28), também pela manhã, um bandido foi baleado e o comparsa foi preso após a dupla assaltar um soldado e um tenente da PM que estavam de folga na manhã desta segunda-feira (28), no bairro Jardim Marilândia, em Vila Velha.

O soldado e o tenente estavam conversando próximo a uma residência quando foram abordados pela dupla. Um dos criminosos, que estava com uma pistola 9 milímetros de fabricação caseira, exigiu os celulares dos policiais e a moto de um dos militares.

O aspirante a oficial Martins contou para a reportagem do jornal Notícia Agora como tudo aconteceu. “Os dois militares estavam conversando na frente de uma residência quando os dois cidadãos, de posse de uma pistola de 9 milímetros, de fabricação caseira, anunciaram o assalto. Inicialmente os militares não tiveram com reagir e entregaram os celulares e a motocicleta. Porém, eles não conseguiram ligar a moto para conseguir fugir. Nesse momento, o soldado percebeu que, com o nervosismo deles, por não conseguirem ligar a moto, eles iriam atentar contra a vida dos policiais”, disse.

Ainda segundo o aspirante, um dos criminosos chegou a descer da moto para questionar o policial, apontando a arma para ele, perguntado o que tinha na motocicleta que estava dificultando a partida.

“Quando ele tentou ligar a moto mais uma vez e não conseguiu, foi com a pistola na direção do PM e tentou efetuar disparos contra o soldado, que sacou sua arma e atirou contra o criminoso”, disse Martins.

O bandido armado, que é menor de idade, foi baleado duas vezes. Ele foi socorrido pelo Samu para o Hospital Antônio Bezerra de Faria, no mesmo município. O comparsa do adolescente, identificado como Marcos Rocha Januário, 21 anos, pegou a arma no chão e saiu correndo.

Os PMs acionaram o Ciodes e viaturas deram apoio à ação. Marcos foi preso perto dali, na Rua Piracicaba. Antes de ser preso, ele dispensou a arma em uma área de mata do bairro.

Marcos foi encaminhado pela Polícia Militar para a 2ª Delegacia Regional de Vila Velha.

Fonte: Gazeta Online

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here