Estava em Rio Bananal o atirador que acertou a cabeça e matou jovem na saída de boite em Linhares

Policia fechou o cerco e prendeu o acusado que confessou atirar na cabeça do jovem que morreu no hospital.

Na tarde de ontem (07/12/17) policiais militares da Força Tática do 12º BPM-Linhares efetuaram a prisão de GIOVANI ALVARENGA PEREIRA JÚNIOR, de 21 anos, apontado como autor do homicídio que vitimou PEDRO HENRIQUE GONÇALVES GOMES, de 18 anos.

O crime ocorreu na madrugada de sábado para domingo (02-03/12/17), em frente a uma boate localizada no Centro de Linhares. Na ocasião, a vítima foi atingida por tiros na cabeça enquanto entrava em um veículo para sair do local. Após ser ferida, ela foi socorrida ao hospital Rio Doce e permanecia internada, mas em 05/12/17 veio a falecer em razão dos ferimentos.

Desde que a infração ocorreu a DCCV-Linhares se empenhou realizando levantamentos, ouvindo testemunhas e analisando imagens de segurança das proximidades do local, até chegar na identidade do atirador. Estando devidamente qualificado e não havendo mais estado flagrancial, representou-se pela prisão de GIOVANI, vulgo “JUNINHO”, sendo o pedido prontamente atendido pelo Ministério Público e Poder Judiciário.

Concomitantemente a expedição do mandado, informações anônimas deram conta de que o suspeito se deslocava do município de Rio Bananal para a rodoviária de Linhares, visando posteriormente se evadir da responsabilização criminal. Após troca de informações entre a Polícia Civil e Polícia Militar, integrantes da força tática realizaram o cerco e lograram em prender o autor, cumprindo-se assim o mandado de prisão.

Após ser formalmente interrogado GIOVANI, vulgo “JUNINHO”, confessou ser o autor dos disparos que ceifaram a vida de PEDRO HENRIQUE. De acordo com ele, já dentro da boate, durante um show de “funk”, houve uma confusão envolvendo ambos e ela continuou na parte de fora do estabelecimento.

Alegou que depois de trocarem alguns empurrões a vítima supostamente teria caminhado em direção a um veículo, ocasião em que o autor efetuou os disparos. Depois do interrogatório o autor foi levado a Penitenciária Regional de Linhares (PRL)

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here