Jovem desaparecida após encontro do Tinder foi esquartejada em 14 pedaços

Após ter um segundo encontro com uma mulher que conheceu no aplicativo de relacionamentos Tinder, Sydney Loofe, de 24 anos, foi dada como desaparecida.

O caso aconteceu em Nebraska, nos Estados Unidos, e começou a ser investigado no dia 15 de novembro de 2017, quando a mãe da moça avisou à Polícia.

A última atualização da jovem foi quando fez um post no aplicativo Snapchat com uma foto e com a legenda “Pronta para meu encontro”.

Cerca de um mês após o seu desaparecimento, o corpo de Sydney foi encontrado em um campo próximo à cidade em que morava, desmembrado em 14 pedaços e postos em de sacos de lixo.

Os acusados pela morte da jovem são Aubrey Trail, de 52 anos e a namorada dele, Bailey Boswell, de 25. A acusação afirma que a vítima foi atraída por Bailey, com orientações do homem.

Apesar de o corpo de Sydney mostrar sinais de luta, a defesa do casal alega que a morte da jovem foi acidental e que os três participavam de uma relação consensual com prática de asfixia.

A procuradoria nega e ainda afirma que o crime foi premeditado.

Os acusados de assassinar Sydney: Aubrey Trail, de 52 anos e sua namorada Bailey Boswell, de 25 (Foto: Reprodução/Saline County District)

Os acusados de assassinar Sydney: Aubrey Trail, de 52 anos e sua namorada Bailey Boswell, de 25 (Foto: Reprodução/Saline County District)
Fonte: Tribuna
Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here