Levantamento aponta ‘top 10’ produtos mais buscados por consumidores no Espírito Santo

Um levantamento feito pelo site e aplicativo comparador de preços e produtos Zoom apontou as categorias mais buscadas pelo consumidor no Espírito Santo de janeiro a outubro deste ano.

Além disso, a um mês e meio para a Black Friday, maior evento do varejo no Brasil, o comparador de preços e produtos realizou pesquisas que oferecem um diagnóstico sobre a preferência dos consumidores pela data do evento e também sobre a suas intenções de compra.

Veja abaixo o “Top 10” dos produtos mais buscados no Espírito Santo entre janeiro e outubro:

 – Celular e Smartphone

2º – TV

3º – Notebook

 – Fogão

 – Geladeira

 – Tênis

 – Ar Condicionado

 – Lavadora de Roupas

 – Triciclo, velotrol e mini veículo elétrico

10º – Bonecas

Consumidores são a favor de manter a Black Friday em novembro

Diante da discussão do varejo sobre o mês ideal para acontecer a Black Friday no Brasil, o Zoom foi ouvir dos consumidores o que eles acham disso. Em pesquisa realizada com quase 7 mil pessoas, 57% aprovam que o evento aconteça em novembro.

Dos 43% que gostariam da mudança de data, 46% acham que outubro ou dezembro são os meses mais indicados para acontecer a Black Friday. A maioria deles (81%) afirma que poderia gastar mais se a mudança de data acontecesse, sendo que 34% gastariam mais de R$ 2.000 em compras e 32% mais de R$ 1.000.

“Os consumidores brasileiros cada vez mais reconhecem a Black Friday como uma oportunidade de encontrar ofertas relevantes para comprar o que desejam. As pessoas aproveitam melhor o evento por ele acontecer em um período em que elas têm seus orçamentos complementados pelo recebimento do 13º salário. Além disso, a proximidade com o Natal permite que os consumidores economizem, adiantando as compras para a data. Portanto, mudar o evento, que já está consolidado, é algo que requer um enorme planejamento do varejo para efetivamente acontecer. Como isso foi uma discussão, quisemos ouvir dos consumidores o que eles acham dessa hipótese”, comenta Thiago Flores, diretor executivo do Zoom.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here