Mãe de jovem tatuado na testa comenta condenação dos culpados

“O que eles fizeram não deveria ter sido feito”, opinou Vânia Aparecida Rosa da Rocha

Mãe de jovem tatuado na testa comenta condenação dos culpados

“Justiça foi feita”. A afirmação é de Vânia Aparecida Rosa da Rocha, mãe do jovem de 18 anos que teve a testa tatuada à força em junho do ano passado ao saber da condenação de Maycon Wesley Carvalho dos Reis, de 28 anos, e Ronildo Moreira de Araújo, de 30.

Ao ouvir a sentença, proferida pelo juiz da 5ª Vara Criminal de São Bernardo do Campo, Vânia se disse aliviada e desejou que os culpados reflitam: “O que eles fizeram não deveria ter sido feito”.

Presos preventivamente desde 9 de junho do ano passado, eles tatuaram “Eu sou ladrão e vacilão” na testa do jovem. Os dois foram apontados como culpados por lesão corporal gravíssima e constrangimento ilegal. O adolescente, que segue em tratamento em uma clínica particular, terá alta em maio.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here