Magno Malta desiste de processar padre que o chamou de “bandido”

O senador Magno Malta (PR) desistiu de processar o padre Romário Hastenreiter, de Boa Esperança, que em julho do ano passado chamou o parlamentar de “bandido” durante a homilia, em missa transmitida no rádio. Malta falou que perdoou o padre após reportagem de A Tribuna.

De acordo com os representantes do senador, o áudio da missa chegou até Magno Malta por diversas pessoas. “Eleitores enviaram o áudio com a fala do padre e isso deixou ele chateado”, informou a assessoria do senador. Romário admitiu a fala, motivada pelo voto favorável do senador à reforma trabalhista.

Informações Rede Diário ES

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here