Pedras que interditam BR-259 só devem ser retiradas no final do mês, diz DNIT

A via está interditada desde a última terça-feira (6), quando aconteceu uma queda de barreira na altura de Itapina, em Colatina

 

As pedras que interditam a BR-259, entre os municípios de Colatina e Baixo Guandu, desde a última terça-feira (6), só devem ser retiradas da via somente no final de fevereiro. Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura e Trânsito (DNIT), a contratação da empresa para a realização do serviço está prevista para acontecer no final do mês e, tendo em vista a gravidade da situação encontrada, deverá acontecer por decretação de emergência.

Segundo o órgão, “após a realização de imagens áreas para verificar a magnitude da interferência e dos riscos associados, foi constatado que não se trata apenas da remoção dos blocos da pista, já que, devido à instabilidade da encosta corroborado com a instabilidade climático, o problema é considerado mais grave”.

Com isso, para garantir a segurança e integridade dos usuários, a rodovia foi totalmente interditada e o órgão providenciou a instalação de blocos de concreto para impedir a passagem de veículos e pedestres, além de instalar placas de advertência (pista interditada) em pontos relevantes da BR 259/ES. Também foi solicitado o apoio a PRF e a Polícia Militar para possíveis usuários que tentassem invadir a área interditada.

Queda
De acordo com o DNIT, a queda dos blocos foi provocada pela ação das chuvas em excesso que atingiu a região de Itapina em Colatina. O órgão explicou que a água provocou o carreamento das partículas de solo e rochas de menores proporções que davam sustentação aos blocos de maior proporção, o que ocasionou a queda de blocos de grandes proporções e desestabilizou a encosta, deixando a área com riscos de novos desabamentos e riscos eminentes aos usuários da vida.

Acidente

Na noite da última terça-feira (13) um motorista acabou batendo contra as pedras que obstruem a passagem pela rodovia há mais de uma semana. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, o acidente aconteceu por volta das 22 horas e o motorista do caminhão foi encaminhado para um hospital da cidade de Baixo Guandu após sofrer ferimentos leves, causados pelo impacto.

Veja as rotas alternativas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here