Quadrilha faz assalto seguido de perseguição termina com bandido morto em Marechal

Após assaltarem uma propriedade na Região de Santa Terezinha, os criminosos fugiram em um carro pela BR 262. A PM fez um cerco e houve troca de tiros durante a perseguição

Um bandido morreu e outro levou um tiro no olho durante uma perseguição e troca de tiros com a Polícia Militar, na manhã desta terça-feira (07), em Marechal Floriano, na Região Serrana do Estado.

A ação aconteceu após a PM ser acionada depois de uma tentativa de assalto. Três assaltantes ainda estão sendo procurados e um deles foi preso sem lesões.

De acordo com a Polícia Militar da região, uma moradora da localidade de Ribeirão Capixaba estava mexendo na horta de casa quando foi abordada por criminosos armados, que estavam em um carro.

Eles perguntaram a ela de quem era o automóvel que estava parado próximo à residência, querendo saber se mais alguém estava na casa, e a senhora disse que era de um policial vizinho dela.

Depois disso, eles fugiram do local sem levar nada, mas a mulher acionou a PM. Militares que estavam na região localizaram o veículo onde estavam os suspeitos e iniciaram uma perseguição.

De acordo com os PMs, os criminosos começaram a atirar contra eles, que revidaram. Em certo momento, os bandidos abandonaram o veículo e fugiram correndo por um matagal, ainda atirando.

Os policiais iniciaram buscas pela área e o helicóptero da corporação também foi acionado. Na troca de tiros, dois criminosos foram baleados.

Eles foram socorridos pelos próprios policiais militares para o posto de saúde de Marechal Floriano, no Centro da cidade. Um deles acabou morrendo.

Segundo o sargento Corteletti, da 6ª Companhia Independente da PM, o criminoso morto foi identificado apenas como “Gordinho” e estava com um revólver calibre 32.

Já o bandido ferido foi identificado como Sidnei de Souza Silva, 26 anos, e estava em posse de um revólver calibre 38.

O outro detido, que não ficou ferido, foi identificado como Herlandes Daniel Dias. Segundo a polícia, ele tem um mandado de prisão em aberto por homicídio. Ainda de acordo com o sargento Corteletti, essa quadrilha vinha cometendo vários assaltos nas regiões de interior de Marechal Floriano.

“Eles disseram que são de Vila Prudêncio, em Cariacica. Fazem parte de uma quadrilha que já vinha cometendo assaltos a sítios na região e foram reconhecidos por uma vítima de um crime do dia 30 de outubro. Inclusive o armamento calibre 32 era da vítima que foi assaltada e é registrado”, afirmou.

O caso será investigado pela Polícia Civil. Pelo menos três criminosos conseguiram escapar e estão foragidos.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here