“SOMOS APENAS NÚMEROS”, DISPARA JOVEM DISPENSADO PELO FLAMENGO

Grande sensação do futebol brasileiro em 2019, o Flamengo conquistou, merecidadamente, quase tudo o que disputou na última temporada com seu elenco profissional, mas a situação confortável do time estrelado, comandado por Jorge Jesus, não se aplica aos garotos envolvidos no incêndio no Ninho do Urubu, onde a base treinava. Recentemente, o clube dispensou cinco atletas presentes na tragédia, um deles foi o meia Felipe Cardoso, que usou suas redes sociais para desabafar.

“Aprendi mais uma dura lição da vida em busca deste sonho ao ser liberado pelo Flamengo, no dia 13/01/2020 por telefone, não entendi e chorei, gritei, culpei tudo e todos, não quis falar com ninguém por um período, a dor foi gigante em meu peito”, lamenta.

Buscando seguir em frente para homenagear os amigos que se foram, o jovem diz que, muitas vezes, é visto apenas como número, esquecendo o lado humano da situação.

“Cheguei a conclusão que somos apenas números para muitoS. Ninguém enxerga que somos jovens/adolescentes buscando uma vida melhor para nossas famílias”, garante.

Enquanto Felipe Cardoso tenta seguir a carreira em outro clube, o Flamengo foi condenado pela Jusiça a pagar uma indenização no valor de R$ 10 mil aos familiares dos 10 jovens mortos no CT em Vargem Grande, além de outros três atletas feridos no acidente.

Fonte: SBT
Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here