Um grupo de pessoas se reunirão hoje, (21) às 20 horas em frente a casa onde os irmãos foram encontrados mortos

Esse protesto é para todos aqueles que está sensibilizado com o fato e que quer justiça. Todos deverão ir de branco, levar flores e velas

Hoje segunda-feira (21) está completando um mês que aconteceu o incêndio que matou os irmãos Kauã, de 6 anos e Joaquim, 3. Nesses 30 dias do ocorrido, existe um silêncio acerca do caso, muitas perguntas e poucas respostas.

E os questionamentos da população são: quais foram as causas do incêndio? E como a linha de investigação é de homicídio, Artigo 121 do CPB, por que as crianças foram assassinadas? E qual foi o mecanismo usado para matar as crianças, já que a morte não foi por asfixia? Quais os laudos médicos?

Pelo fato de existir tantas perguntas sem respostas, a comunidade fará hoje um protesto em frente a casa, onde os irmãos Kauã e Joaquim foram encontrados mortos. Esse grupo de pessoas se reunirão hoje às 20 horas, e pedem para àqueles que forem, levarem flores e velas para deixar em frente à casa e estejam trajados de camisa branca. A comunidade pede justiça e que a verdade venha à tona.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here