Vereador tem foto íntima vazada e diz que vai acionar a Justiça

Vereador tem foto íntima vazada e diz que vai acionar a Justiça

O vazamento nas redes sociais de uma imagem em que aparece nu tem abalado a vida do vereador de Guarapari, Dito Xaréu (Solidariedade). A foto mostra o parlamentar em um espelho. Segundo Xaréu, a imagem estava somente no aparelho celular pessoal dele, mas foi surpreendido ao ver a foto compartilhada nas redes sociais.

Sobre o vazamento da foto íntima, o parlamentar, por orientação de seus advogados, preferiu não se manifestar abertamente. Contudo, através de uma nota divulgada por sua assessoria de imprensa, o Xaréu disse que “lamenta profundamente a exposição indevida e ilegal de sua imagem”.

O advogado do vereador, Marcos Paulo Gomes Dias, informou ao Gazeta Online que uma denúncia de crime cibernético com base na “Lei Carolina Dieckmann” já está sendo encaminhada à Justiça. “Estamos tomando todas as medidas cabíveis para que a pessoa responsável por esse vazamento seja responsabilizada. Estamos voltados para identificarmos essa pessoa o quanto antes, pois isso configura crime. Temos uma suspeita inicial, mas a polícia irá investigar”, explicou.

O representante jurídico ratificou ainda que a defesa do gestor vai abrir um processo para cada postagem que tenha como alvo denegrir a imagem do vereador. “Comete crime quem divulga a imagem e quem acaba compartilhando esse tipo de conteúdo. Vamos avaliar e levar em consideração todas essas situações”, concluiu Marcos Paulo Gomes Dias.

NOTA DO VEREADOR

“O Vereador Dito Xareu, por meio de sua assessoria jurídica, diante da veiculação de matéria expondo sua vida privada, vem esclarecer que já está adotando todas as providências legais, inclusive comunicando às autoridades judiciais para identificação e responsabilização dos autores pela divulgação e compartilhamento de sua imagem. Esclarece, ainda, que estava sendo ameaçado por uma ex-companheira, que teve acesso às imagens íntimas durante o período do relacionamento, o que motivou, inclusive, um registro de ocorrência contra ela. O Vereador lamenta profundamente a exposição indevida e ilegal de sua imagem e espera que todos os envolvidos sejam civil e penalmente responsabilizados pelo crime, nos termos da Lei 12.737/2012.”

PORTAL SBN | COM INFORMAÇÕES DO ‘GAZETA ONLINE’

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here