Vídeo registra assalto que terminou na morte de comerciante em Cachoeiro

Thiago Zucoloto Fricks, de 37 anos, morreu na manhã de sexta-feira (29) após ser baleado pelos criminosos

Comerciante foi baleado em rua do bairro Ibitiquara, em Cachoeiro
Comerciante foi baleado em rua do bairro Ibitiquara, em Cachoeiro

Imagens de câmeras de segurança de uma rua no bairro Ibitiquara, em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado, revelam o momento em que dois bandidos rendem um comerciante, entram em luta corporal com ele, atiram e fogem com uma mochila da vítima (veja vídeo abaixo). O crime aconteceu na noite de quinta-feira (28). Thiago Zucoloto Fricks, de 37 anos, morreu na manhã seguinte.

Os criminosos são vistos em dois momentos. Nas primeiras imagens, eles caminham tranquilamente por uma rua próxima. No segundo momento, um deles entra em luta corporal com a vítima. Em seguida, o outro criminoso atira. Os dois fogem a pé, correndo pela rua. Assustada com a cena, uma senhora se afasta do local enquanto o comerciante é baleado.

O caso é investigado pela Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio, mas até o momento ninguém foi preso. Quem souber de algo sobre o crime pode fazer denúncia ao 181. Não é preciso se identificar.

O CRIME

Thiago chegava do trabalho quando foi abordado pelos bandidos
Thiago chegava do trabalho quando foi abordado pelos bandidos Foto: Reprodução/Facebook

Thiago Zucoloto Fricks, 37 anos, foi morto durante um assalto na noite de quinta-feira (28) no bairro Ibitiquara, em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado. O comerciante teria reagido e lutado com os bandidos.

De acordo com a Polícia Militar, o comerciante chegava em casa por volta das 21h30 em um veículo Toyota Corolla, de cor preta, quando foi abordado por dois homens armados. Ele reagiu e lutou com os bandidos, mas foi atingido por vários tiros.

Os bandidos fugiram no sentido da sede do Tiro de Guerra e não foram localizados. Eles deixaram o local do crime em um veículo que dava cobertura ao assalto. A vítima chegou a ser socorrida para a Santa Casa de Misericórdia, mas morreu na manhã desta sexta-feira (29). O corpo de Thiago foi encaminhado para o Serviço Médico Legal.

Abalada, a irmã do comerciante não quis gravar entrevista, mas contou que Thiago era dono de um depósito de bebidas e voltava do trabalho no momento do crime. Ela diss, ainda, que um caminhão de mudança estava estacionado na frente da casa dele, por isso o comerciante não conseguiu parar o carro na porta de casa. Foi nesse momento em que dois homens anunciaram o assalto.

No local do crime ficaram marcas de sangue
No local do crime ficaram marcas de sangue Foto: Reprodução-Tv Gazeta Sul

A família ainda não sabe se os assaltantes queriam o carro ou o dinheiro que Thiago carregava numa bolsa. Assutados, os vizinhos contaram que os dois bandidos estariam em uma escada aguardando a vítima e observando a movimentação da rua.

Continua depois da Publicidade:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here